Resenha: O Lar da Sra. Peregrine por Ransom Riggs

15:47 Fernanda Bizerra 2 Comments



Olá Catarina´s (os)! Hoje quero dividir com vocês mais uma obra incrível que tive o prazer de ler. 

Sempre tive medo de ler O Lar da Sra. Peregrine por pensar, sem ler a respeito, que fosse algo de terror. Só em pensar em um orfanato com aquelas crianças e as capas das obras ficava de cabelos em pé, porém, uma amiga disse no auge de 2018 (rs) que não se tratava do que sempre imaginei. Ao iniciar a leitura percebi que perdi muito dessa trama por um logo tempo e claro sem créditos para minhas paranoias. A obra é maravilhosa e cheia de momentos fantásticos.

O primeiro livro O Lar da Sra. Peregrine para Crianças Peculiares é intenso e cheios de descobertas para Jacob. Ele sempre ouviu o avô lhe contar historia fantásticas á respeito de crianças com poderes sobrenaturais e monstros fétidos que viviam para devorar as almas dessas crianças e se transformarem em acólitos. Além de mulheres que se disfarçavam de aves e eram as protetoras dos órfãos.

Jacob no auge de sua adolescência já havia se cansado de ouvir os contos de fadas do avô, e certo dia recebeu um telefonema do avô pedido por ajuda, e ao chegar a casa o encontra caído no quintal praticamente morto. Aos sussurros ele dizia: “Encontre a ave. Na fenda. Do outro lado do túmulo do velho. Três de setembro de 1940”. Essas histórias causaram pesadelos constantes em Jacob, o fato de afirmar que viu um monstro ao lado de Abe Portman lhe rendeu o status de maluco e foi direcionado ao psicólogo.

O psicólogo de Jacob o aconselhou a ir á ilha que o avô Abe Portman pediu antes de sua morte. O pai acabou o levando na viagem na ilha Cairnholm Is no País de Gales. Lá ele tanto procurou que encontrou o que buscava para provar que não estava ficando completamente maluco e ao atravessar a fenda do presente para o mundo peculiar ele descobre pessoas que vivem e revivem o mesmo dia de 03 de setembro de 1940 há anos.

Uma menina que levita, outra que faz fogo com as mãos, um garoto invisível e uma Ymbrynes – mulher que se transforma em ave. Tudo é fascinante a Jacob, pois descobre que o avô não era louco e ele também não. A vida do garoto muda completamente e partir daí começa sua saga de escolha entre o presente e o passado. Ajudar seus novos amigos torna-se a missão do garoto e para isso acaba fugindo para o passado e deixando seus pais e o presente para trás.

O segundo livro, de Ransom Riggs – Cidade dos Etéros, continua do mesmo ponto em que termina o primeiro e isso não nos deixa perder o ritmo da leitura. Depois de sofrerem um ataque dos etéros e ter seu lar destruído e sua Ymbrynes sequestrada as crianças partem em busca de salvar a Sra. Peregrine que está presa em forma de ave após ser resgatada por suas crianças. Durante a viagem, recebem ajuda de pessoas normais e até mesmo novos peculiares de fendas mais antigas se junta a eles na busca de salvar suas protetoras.

Durante a ida á Londres eles sofrem vários ataques, porém saem quase ilesos deles e continua destruindo seus inimigos que querem evoluir para dominar o mundo peculiar.

O terceiro livro nós traz o desfecho da trama com várias descobertas sobre o mundo peculiar que é pouco conhecido por seu próprio povo. Os irmãos da Sra. Peregrine passaram a vida em busca de descobrir a localização da Biblioteca de Almas, pois acreditam que as almas dos peculiares antigos lhe darão o poder que sempre quiseram para serem deuses.

Ao longo do II e III livro, Jacob aprende a dominar mais seus poderes sobre os éteros o que deixam alguns dos acólitos– éteros evoluídos- impressionados, mas como conhecedores de seu mundo eles o estavam esperando por ser Jacob peça fundamental para acesso às almas da biblioteca.

Definitivamente foi uma leitura muito proveitosa, apesar de pensar a falta de evolução dos poderes dos peculiares como uma falha da obra, mas lendo o livro dos Contos Peculiares percebemos que alguns poderes não devem e não podem crescer por serem perigosos. Esses contos são parte importante das obras, pois estão presentes nos três livros. E ainda existe um quinto livro Mapa dos Dias que nos apresentará a vida dos peculiares e de Jacob no presente.
“Os três primeiros livros introduziram os peculiares e o seu mundo. Mas o universo peculiar é vasto, e a sua história é longa, e há muito para descobrir.” Ransom Riggs

Siga o blog nas redes sociais:

Beijos Fê :*


2 comentários: